Resenha ~ Grey - E. L. James



SIMMM! Nossa colaboradora Vera Branco leu Grey, Cinquenta Tons de Cinza Pelos Olhos de Christian!

Sejamos sinceros, quem leu Cinquenta Tons de Cinza já sabe o que esperar em Grey, novo (?) livro da E. L. James que agora narra toda a história (sim, já adianto que é a MESMA história) do ponto de vista de Christian Grey.

Desculpe pela falta de fotos, a obra foi lida em formato ebook.

Primeiro que, uma coisa era ler a primeira versão do livro imaginando alguém tipo o Ian Somehalder como o Christian. Desculpe quem é fã, mas outra coisa é ler tendo na mente a imagem do ator insonso que no fim deu vida ao milionário nos cinemas.


Segundo que, gente, que livro preguiçoso… Ele é o mesmo livro de antes. Exatamente o mesmo. Com a diferença que aqui vemos todas as ladainhas e lamurias do outro livro do ponto de vista do Grey. Nem mesmo a forma de escrever da autora evoluiu. É exatamente a mesma coisa.


O livro não passa de uma tentativa vã de humanizar o Grey, onde confirmamos de uma vez por todas o quanto ele é um homem ansioso, inseguro e perturbado. O ar de mistério existente quando seus atos eram narrados pelo ponto de vista da Anastasia não existe mais. Sobra apenas o sujeito que quer punir a namorada apenas por ela revirar os olhos para certas coisas que ele fala, mas quem não reviraria os olhos para aquela enrolação toda?
Enfim… Quem é fã provavelmente vai gostar e pirar com o Sr. Grey, mas a autora perdeu a oportunidade de avançar na história, de criar algo novo. Poderia ter contato bem mais da sua infância conturbada, mais da vida antes dele conhecer a Anastásia, poderia ter feito qualquer coisa, mas reescrever um livro que foi uma fanfic de um outro livro que não era nenhuma grande maravilha forçou DEMAIS a amizade. O pior de tudo é que ela provavelmente vai fazer o mesmo com os outros dois livros e vai continuar vendendo horrores.

4 comentários:

  1. Aiaiai, eu nunca li nenhum livro dessa série (Ai, Helena, então nem vem criticar se você não leu!)
    Não precisa eu ler para sabe que eu vou odiar. O que me deixa mais irritada é justamente o que você pontuou: a autora com certeza vai escrever mais dois livros sobre o ponto de vista dele e vai vender horrores, aff.

    Beijinhos, Hel.

    http://leiturasegatices.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, vai escrever mais do mesmo e faturar alto :/
      Bjs

      Excluir
  2. Eu não li a trilogia de cinquenta tons de cinza, mas assisti o filme (sei que não é a mesma coisa). Eu adorei a tematica e sei que no livro tudo é mais forte e mais apimentado, mas não me interessei pela trilogia, mas isso não acontece com GREY que eu estou super afim de ler e de formar a minha opinião. Adorei o seu blog, já está nos meus favoritos.

    Meu Blog: www.umcontainer.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Eu tentei ler o primeiro da trilogia mas não deu certo. Esse eu realmente não me interessei :(
      Obrigada pela visita e fico feliz que tenha gostado.
      Bjs

      Excluir

Tecnologia do Blogger.