quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016


Eu tenho uma pequena lista não-secreta de países que eu quero conhecer e um deles é o Egito! Sou fascinada pela história e a mitologia egípcia desde quando era criança e com o passar do tempo isso só aumentou… Então imaginem a minha felicidade ao saber que a Colleen Houck, autora da saga A Maldição do Tigre outra lindeza!!! *-* estava escrevendo uma nova história e agora na Terra dos Faraós?! Pirei!! E ainda por cima viria para o Brasil para a Bienal do Livro no Rio e que aproveitaria para fazer uma turnê de promoção do livro?! SURTEI!!  hahaha Bom, vamos a história!
O que é esse olho de hórus?! Lindão! *-----*
Nas primeiras páginas somos inseridos numa espécie de prólogo que ocorre no Antigo Egito e é o pano de fundo da história, um grande sacrifício teria que ser feito para que o Egito voltasse a prosperar, o pequeno capítulo só nos deixa mais curiosos e com grandes expectativas para desvendar as verdadeiras razões desse acontecimento. Em seguida, já estamos nos tempos atuais, em Nova York, e conhecemos Liliana Young, uma moça “comum” de 17 anos, que apesar de ser milionária, morar num hotel 5* no meio de NY e ter alguns privilégios da high society americana é uma garota tranquila e até bem intencionada até que gostei dela, gente! rsrs Mas como nem tudo é perfeito, a moça tem sérios problemas de convivência com os pais que por serem podres de ricos muito ocupados, não dão a devida atenção à filha, é uma relação muito mais de aparência e cobranças do que afeto.
Editora Arqueiro arrasou na diagramação do livro!! Tudo impecável e a capa é em autorrelevo! *-*
No meio a essas cobranças incessantes, Lily tenta se distrair de outras formas, um dia durante uma visita a seção egípcia do Metropolitan Museum of Art, ela presencia algo inacreditável, uma múmia andando nos corredores e se refazendo. Ela não sabia, mas estava diante de um príncipe egípcio e sua ligação com ele seria maior do que ela poderia imaginar!
O livro contém 3 partes e cada parte tem um símbolo que representa um importante personagem da saga! Esse representa o Sol! ^^ 
O príncipe lindão em questão é Amon e ele tem uma missão, despertar seus dois irmãos para realizar uma cerimônia e salvar o mundo atual da fúria do deus Seth, só que nem tudo saí como o esperado, muitas coisas aconteceram desde seu último despertar há 1000 anos e agora  Amon tem que correr contra o tempo para que consiga despertar seus irmãos e realizar o ritual no momento certo, no meio de toda essa confusão, ele precisa aprender a lidar com laço que o liga a Lily e a sobreviver nas condições da nossa era. #UffaÉdeTirarOfôlego! rsrs
Siiimm, eu tenho marca-páginas com hieróglifos da Cleópatra e da Nefertiti! *----* e o melhor VEIO DE LÁ!!!! :3
Gente essa mulher é uma fofaa!! Super simpática com os fãs! E estava caracterizada a la egípcia! Lindonaa!! *-*
Lily é uma personagem bem decidida, irônica, questionadora e, às vezes, até sarcástica e não uma mocinha rica, mimada  e fútil como eu imaginei hahaha Seu envolvimento com Amon vai ocorrendo de forma “natural”, na medida do possível rsrs Acredito que a ligação que os dois passam a compartilhar (que não vou contar hehehe) acabou influenciando nessa parte, tornando algo que tinha tudo para ser piegas, aceitável e bonito *-*. Os demais personagens que aparecem te trazem suspeitas, dúvidas e suspiros, algumas coisinhas previsíveis ali e acolá, mas nada que interfira muito na história. Os elementos mágicos só engrandecem o enredo e não são usados em excesso, há um equilíbrio quanto as ações reais e fantásticas e levando em consideração que é um livro de fantasia, isso torna as ações das personagens bem mais verídicas! +10 pts para a Grifinória! rsrs Para quem já conhece  as obras da autora vai notar seu amadurecimento na escrita e quem está conhecendo através desse livro vai se encantar com a sua genialidade e a fluidez de seus textos.
Nossos autógrafos e esse selo em relevo que ganhamos!!!! Essas são minhas duas companheiras de fila, ficamos hoooorrras conversando! A Natália Moreira (uma fofa! *-*) e a Máàh Abreu do Insta @somentelivros! Todas apaixonadas pelos tigres, pela Colleen e agora, pelos príncipes!  *-*
Confesso que antes de ler eu estava achando que a Colleen ia usar do mesmo artificio  d’A Maldição do Tigre e fiquei super receosa com a personagem principal e com um possível enredo clichê like Nicholas Sparks... Por mais que tentasse, imaginava a Lily muito próxima a Kells e isso me incomodava muito! Mas tive uma agradável surpresa ao ver quão distante as duas sagas estão e como ela conseguiu inovar em vários aspectos, mas mantendo o que ela fez brilhantemente na primeira … A pesquisa! Ela fez um trabalho de pesquisa sobre o Egito espetacular, sobre as pirâmides, rituais, pontos turísticos, que ficou fantástico! AMEI! Dou 4,5* pelo livro porque a diagramação está fantástica ~ Parabéns Editora Arqueiro!!! Pela autora, pela história, pelo carisma de Amon e pela audácia da Lily! Não leva 5* por algumas coisinhas que não curti láááá no desfecho da história, mas que mesmo assim, me deixaram com a pulga atrás da orelha e ansiosa para o lançamento do próximo livro!! O final é muito inesperado e destruidor! *-*

"Quando somos privados de tudo aquilo que valorizamos, finalmente conseguimos ver a verdade."

12 comentários:

  1. Cara, eu acho a capa desse livro demais! Sempre que o vejo em algum lugar dá vontade de passar a mão hahaha Ultimamente tenho visto muitas resenhas dele, algumas com críticas boas e outras nem tanto, mas realmente parece ser uma estória legal. :)

    magoevidro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é fantástica acho que é uma das mais bonitas da minha mini biblioteca! rsrs
      Entre uma leitura mais densa e outra eu gosto de ler algo mais leve, histórias mais tranquilas e essa é desse jeitinho, te cativa, prende e é rápida.. Consigo entender quem não gosta! rsrs

      Obrigada pela visita Tisa! ^^
      Bjs

      Excluir
  2. Logo que lançou esse livro eu já me interessei bastante, pois ele é de mitologia egípcia e eu tenho muito interesse no assunto. Que bom que você conheceu a autora, eu gostaria mas não tive a oportunidade...

    Abraços,

    Blog Decidindo-se \o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Vinicius!
      Nossa, eu tbm amo o Egito, estou louca para ler As Crônicas dos Kane, do Rick Riordan!! É uma mitologia tão fascinante, né? Quando eu soube que a Colleen estava escrevendo fiquei mega feliz!! Ela faz mergulho na história da cultura em questão que é surreal! *-*
      Estou torcendo para ela voltar este ano!! Ela é uma fofa! Espero q vc tenha oportunidade de conhecê-la! ^^

      Bjs :*

      Excluir
  3. Olá, tudo bem?
    Amei a resenha menina! Gosto de ler textos que nos fazem ficar com vontade de ler e nos apaixonar mesmo sem nem conhecer a autora haha e foi isso que você fez comigo <3
    Nunca li nada da autora, mas já tinha visto o livro nas livrarias e nunca me interessei, pra falar a verdade. Agora vou procurar o livro e tentar mudar minha opinião, porque sua resenha foi lacradora hahaha
    Beijinhos

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee Mari!

      Aííí que fofaaa vocêeee!! *-*
      Euu amooo escrever dessa formaaa! Pq quando eu gosto de uma coisa, quero que mais e mais pessoas conheçam e se encantem com ela também! rsrs Aí tem mais gente para conversar sobre!! rsrs
      Hahahaha Leia sim, é uma leitura super leveee, depois de umas super densas que a gnt encontra por aí, é ótimo para se recuperar!! :3

      Obrigada pela visita flor!! AMEIII o nome do teu blog, vou visitar!! *-*

      Bjs :*

      Excluir
  4. Opa, mais um livro que desconhecia a sua história e que já quero ler. Já havia visto ele em algumas livrarias, achava a capa top mas nunca me bateu curiosidade pra conhecer. Acho a mitologia egípcia algo bem extenso e por isso abre esse leque sempre para autores criarem seu universo em cima disso. Curti sua resenha :)

    Cantina do Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie Carlos!

      Simmm, a mitologia egípcia é bemm extensa mesmo, dá para ser criativo e pensar em histórias bacanas! :D Quando tiver a oportunidade leiaa simmm, vou acompanhar seu blog pra quando sair a resenha! ^^

      Obrigada e bjs! :*

      Excluir
  5. Oi Denise, como vai?
    Nossa, você despertou meu interesse em relação ao livro! Já tinha visto ele nas livrarias e confesso que achei a capa maravilhosa, mas nunca me interessei em saber seu conteúdo e se eu gostaria ou não. Uma pena não ter procurado antes para ver o que eu estava perdendo hahaha
    Assim que tiver a oportunidade, vou ler, com certeza!
    Beijo
    http://www.blogleituravirtual.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Marina!! *-*

      Hahahaha Isso acontece diretoo comigo, esse da Colleen foi bem às cegas mesmo, pq precisava comprar pra ganhar o autógrafo dela!! O lado bom disso é que a gente acaba conhecendo através de outra perspectiva, daí quando a gente lê tira as próprias conclusões! Acho super fantástico! :D

      Espero q leia e que gostee!!

      Obrigada pela visita!!

      Bjs :*

      Excluir
  6. Essa será uma das minhas próximas leituras e conforme li algumas resenhas fui perdendo o meu maior receio: que a protagonista fosse como a Kelsey. Já vi tanta gente elogiando Lily que acho que vou iniciar a leitura com outros olhos. hehe Mas confesso que estou mesmo ansioso para conferir como a autora trabalhou a mitologia, que por sinal foi o que mais gostei na série anterior. Deve ser incrível. hehe

    Beijos,
    Ricardo - www.overshockblog.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie Ricardo!! Leiaa simmM!
      Esse tbm foi meu maior receio e fui surpreendida!A Colleen só deu uma palhinha da mitologia egípcia, acho que nos próximos será muito mais profundo, mas já deu para ficar com gostinho de quero mais! *-*

      Obrigada pela visita!! =D
      Bjs

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Busca

Tecnologia do Blogger.

Sobre Nós

No Blog

Arquivo

Sorteio

Seguidores

Facebook

Instagram

Twitter

Editora Parceira

Parceiros

Postagens Populares

Visitas

As opiniões aqui presentes são próprias das autoras do blog, não representando necessariamente a opinião das editoras e/ou autores.