segunda-feira, 6 de junho de 2016


Paul Sheldon acaba de terminar seu novo romance, Carros Velozes, e resolve comemorar em grande estilo com algumas garrafas de champagne. O melhor de tudo é que Paul terminou um livro totalmente desvinculado de sua personagem de maior sucesso: Misery Chastain. Por mais que seja uma boa fonte de renda e as leitoras a A-D-O-R-E-M, Paul não aguenta mais escrever sobre a moça. Tanto que resolveu mata-la em seu último romance.



Já meio alto, sai para comprar mais champagne em meio a uma nevasca e na volta bate o carro. É encontrado por Annie Wilkes, uma fã e enfermeira aposentada que o reconhece e, ao invez de chamar uma ambulância, resolve levar Paul para cara e cuidar dele ela mesmo. Em meio a uma névoa de Novril, um analgésico fictício, o escritor aos poucos desperta para a vida e descobre que está com as duas pernas completamente estraçalhadas.


No começo o leitor desconfia das atitudes de Annie, mas sua loucura realmente vem a tona quando ela termina o último livro sobre Misery e descobre que Paul matou a personagem. Completamente insana, compra uma antiquada maquina de escrever Royal com a letra “n” faltando e obriga Paul a ressuscitar Misery. Debilitado e sem ter como fugir, Paul agarra a tarefa enquanto convive com a instabilidade de Annie.

QUE LIVRO! No começo não botei muita fé. O inicio é um pouco confuso pois King nos faz compartilhar o período nevoento pré acordar de Paul. Mas depois haja coração! Anteriormente publicano no Brasil como Angústia, os dois títulos fazem super sentido, pois Misery, além de ser o nome da personagem de Paul, pode ser traduzido como miséria, dor ou tormento, palavras que cabem muito bem aqui.


King escreve seu tipo de história que eu mais gosto de ler: aquela que lida com monstros reais. O enredo me deixou completamente angustiada. Paul está totalmente a merce da louca da Annie que, apesar de louca, é extremamente esperta. Você vai lendo e chega em um ponto que não consegue ver saída para esse cara por mais que você torça por ele. Apesar de angustiante, Misery tem um ou outro momento divertido. Não contive a risada em momentos como enquanto Paul brigava com a velha Royal ou tecia pensamentos sórdidos contra Annie. Afinal, é melhor rir do que chorar.

E para quem ficou curioso, acompanhamos o processo de criação de O Retorno de Misery! O livro de Paul é entrelaçado com sua própria história e temos acesso ao primeiro capitulo e a mais algumas partes do enredo. Achei uma tacada genial! Aliais, gostei bastante da Misery. Com certeza é um livro que eu leria! #FicaADicaStephenKing



A diagramação do livro é muito bacana, com os “n” que faltam na história de Misery substituídos por uma fonte que imita a escrita a mão. Mas não gostei da tradução de alguns termos. Não li a obra no original, mas duvido que tivesse expressões como “da Silva”. Sei que tradução é também adaptação, mas termos por demais abrasileirados me soam forçados em uma obra de origem estrangeira.
Gostei muito de Misery e entrou para meus livros favoritos. O livro virou filme em 1990 (o livro é de 1987) sob o título de Louca Obsessão. Não vejo a hora de assistir e comparar os dois :)



12 comentários:

  1. Oi, Thalita. É difícil um livro do King não entrar para a lista de favoritos, não é?
    Fiquei bem curiosa para ler esse. Tenho-o aqui e estou protelando sempre por causa da pilha enorme de livros.
    Necessito ler, ainda mais com tantos elogios.
    http://revelandosentimentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Naty!
      Pois é, vários dele estão na minha lista de favoritos <3
      O meu também estava aqui a tempos. Vale a pena passar na frente hehe
      Bjs

      Excluir
  2. Oi Thalita! Ganhei o livro de presente da minha cunhada, estou ansiosa pra ler, e minha expectativas estão lá em cima. A premissa do enredo chama atenção de qualquer leitor, pq as vezes sentimos tanta raiva do autor por matar algum personagem favorito que podemos pensar em planos macabros. hahaha brincadeira.
    Adorei a resenha e fiquei ainda mais curiosa.
    Beeijos
    http://lua-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bia!
      huahuahua o livro é tenso do inicio ao fim, passa na frente das outras leituras e divirta-se :)
      Bjs

      Excluir
  3. Qual o seu problema com "Da Silva", mocinha?! ahushuauhsu zoeira ;P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Asuahsuhasuhaushuashuahsuh Senti a ofensa daqui! hahahaha :v

      Excluir
    2. Absolutamente nenhum huahua mas como o livro se passa os EUA acho dificil eles usarem esses termos e esse tipo de adaptação me soa estranho.

      Excluir
    3. Houveram outros termos mas não me recordo agora. Preciso criar o habito de anotar ou usar marcadores :/

      Excluir
  4. Oi, Thalita!
    Eu assisti o filme recentemente com meu namorado e tenho o livro, mas ainda não li.
    Eu dei uma olhada nessa grafia que falta o n e me doeu os olhos hahaha
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luiza!
      Quero ver se assisto essa semana, altas expectativas :)
      Dói, no começo é muito estranho!
      Bjs

      Excluir
  5. Oi Thalita!
    Não tenho muita paciência para a escrita do Stephen King, mas adorei sua resenha! O livro parece bem tenso mesmo rsrsrs
    A Annie realmente parece muito maluca, mas confesso que quando você disse que ela ficou brava pelo que aconteceu com a Misery, achei que ela fosse tentar matar o escritor ou alguma coisa assim haha
    Não me importo com termos abrasileirados nos livros, até porque não é tudo que dá para traduzir ao pé da letra, mas fico me pensando como seria aquela parte no original!
    Beijos
    www.blogleituravirtual.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marina!
      Pooooooooxa sério? Tem hora que ele realmente enrola mas ainda assim gosto muito :)
      Eu também pensei! Muito doida. Vc teme pelo personagem sabe? Fiquei tensa em várias passagens.
      Também fico pensando como seria no original. Mas eu geralmente não gosto. Em A Coisa me aparece um "Av. Paulista". Esse tipo de coisa que me incomoda. Dúvido que exista uma Av. Paulista em Derry rs
      Bjs

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Busca

Tecnologia do Blogger.

Sobre Nós

No Blog

Arquivo

Seguidores

Facebook

Instagram

Twitter

Editora Parceira

Parceiros

Postagens Populares

Visitas

As opiniões aqui presentes são próprias das autoras do blog, não representando necessariamente a opinião das editoras e/ou autores.