segunda-feira, 25 de julho de 2016

Hoje vamos falar de mais uma minisérie de história em quadrinhos que compõe o novo canon de Star Wars. No Brasil, os quatro capítulos foram reunidos numa linda edição capa dura e publicados pela Editora Panini.


“O Império despedaçado” faz parte das públicações classificadas como “Jornada para Star Wars: O Despertar da Força”, o que significa que a história se passa entre os episódios VI e VII. A HQ retoma a história exatamente no final de O Retorno de Jedi e cobrem os eventos da curta comemoração após a destruição da Estrela da Morte II, bem como a clara certeza que a Guerra não acabou ainda.
Só vi lindezas <3

Com uma capa como essa, você pode ser levado ao engano de acreditar que a história foca no nossos rebeldes prediletos… Calma, Luke & Cia aparecem todos, mas não são bem o foco principal. Essa minissérie ficou famosa por nos apresentar os pais de nada mais nada menos que o piloto mais habilidoso da Resistência. Sim senhoras e senhores, o melhor motivo para se ler essa HQ é conhecer os pais de Poe Dameron, Tenente Shara Bey e Sargento Kas Dameron, heróis que tiveram papel importante na destruição da Estrela da Morte II. Ah... Lembram da mencionada “curta comemoração”? Alguns fizeram seu tempo valer, se é que me entendem. ( ͡° ͜ʖ ͡°)

( ͡° ͜ʖ ͡°)

Dito isso, precisamos falar de Shara Bey. Se tem uma coisa boa no novo cânone de Star Wars é a nova onda de personagens femininas badass e Shara Bey certamente preenche a lista de requisitos. Uma pilota talentosa e ousada a ponto de impressionar Luke Skywalker e Leia Organa, militar destemita e devotada à causa. Shara Bey é uma personagem que faz uma breve aparição no Universo Expandido, mas que deixa uma marca. #GirlPower


Outro ponto interessante da HQ é mostrar Princesa Leia em campo e, eu sendo uma fã declarada da personagem, sempre aprecio esses momentos. Leia se une a Shara Bey numa missão quase suicida, que nos dá a oportunidade de testemunhar a ousadia e devoção de ambas à causa. Como bônus temos um breve vislumbre da sensibilidade da alderaniana à Força. #GirlPower2


Com essa HQ temos dimensão da exaustão dos rebeldes, bem como seu alívio com o que pensam ser o final da Guerra. Vemos a esperança preencher seus olhos com uma ousadia jamais permitida, tanto como vemos a sua luta num momento cheio de incertezas. Shara Bey e Kas Dameron mostram como Star Wars é na verdade uma história sobre pessoas e faz isso de forma convincente.




Em resumo, a breve história canônica é divertida, tocante e interessante, além de uma bela adição à coleção de qualquer fã. Nela revemos nossos velhos amigos e fazemos novos, algumas lacunas são preenchidas e deixa espaço para novos questionamentos. Espero que gostem também. Que a Força esteja com vocês.



0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Busca

Tecnologia do Blogger.

Sobre Nós

No Blog

Arquivo

Seguidores

Facebook

Instagram

Twitter

Editora Parceira

Parceiros

Postagens Populares

Visitas

As opiniões aqui presentes são próprias das autoras do blog, não representando necessariamente a opinião das editoras e/ou autores.