Assassinato no Expresso do Oriente - Agatha Christie



Tinha esse livro na estante a muito, muito tempo. Nunca havia lido nada de Agatha Christie e enfim, resolvi começar! O trem Expresso do Oriente está anormalmente cheio para a época do ano. Os passageiros basicamente se encontram apenas no momento das refeições, no vagão restaurante. Ratchett, um homem desagradável, deseja contratar o detetive Hercule Poirot pois se sente ameaçado, mas é recusado. O trem para devido a uma nevasca e Ratchett é encontrado morto em sua cabine com 12 facadas espalhadas pelo corpo. Poirot se une ao amigo Bouc e ao médico Constantine a fim de descobrir quem matou o homem.




Algumas pistas foram deixadas para trás. Chegam a conclusão que o assassino só pode ser uma das 12 pessoas presentes dentro daquele vagão. Pouco a pouco interrogam a misteriosa inglesa, o arrogante coronel, o introspectivo valete, a incansável faladeira, a arrogante princesa e todos os outros personagens. Passam a encaixar as peças, ou não. Ninguém, ao mesmo tempo vários, são suspeitos e o leitor, assim como os investigadores, não consegue chegar a uma conclusão.



E a ideia de Agatha parece ser justamente essa. Todas as interrogações são narradas, em alguns momentos repetidas por Poirot, e o leitor se vê em meio ao trio, também investigando e quebrando a cabeça para descobrir quem raios matou Ratchett. Ratchett não é das melhores vítimas. Descobre-se que o homem é um sequestrador e assassino, dissipando toda a simpatia que poderia haver em prol da sua morte. Mas gostei que isso me fez pensar. Afinal, ele merece justiça ou não?



O leitor sabe o que lhe é apresentado mas não sobra espaço para um suspense ou mistério maior, o que me incomodou bastante. O livro é curto e sua narrativa fluida torna-o fácil de devorar, tanto que li em uma tarde, mas faltou tempero. Me incomodou MUITO o excessivo uso de expressões em francês. O significado da maioria era repassado no diálogo, mas esse tipo de recurso quebra o ritmo da leitura. Ainda não irei desistir da autora. Pirei com a minissérie da BBC And Then There Was None adaptada de E Não Sobrou Nenhum (antigamente conhecido como O Caso dos Dez Negrinhos). Consegui em uma troca no Skoob Plus e em breve pretendo ler e falar um pouquinho dele aqui :)  


8 comentários:

  1. Oi Thalita!

    Eu gosto muito da autora, e acho que O assassinato no expresso do oriente é um clássico dela, mas o meu preferido continua sendo O caso dos 10 negrinhos. espero que vc goste da leitura!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Michele!
      Estou no finalzinho dele e até agora gostei bem mais. Em breve faço a resenha :)
      Bjs

      Excluir
  2. Oi, Thalita!
    Eu acho legal inserir expressões de outras línguas, mas quando tem muita acaba atrapalhando a leitura.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do sorteio Halloween Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luiza!
      Eu não sou muito fã mas deixo passar. Nesse aqui é em excesso. O tempo todo. Incomodou :(
      Bjs

      Excluir
  3. OI OI OOOOOI!

    EU adoro a escrita da àgatha, mas ainda não tive a experiência com esse em particular.
    É uma pena que você tenha sentido que algo faltava ao livro :( geralmente eu nunca consigo adivinhar os assassinos antes do final HAHAH não sei se sou lenta ou se a Sra. Christie me trolla mesmo.
    não sei o que os livros dela tem que fazem mesmo a gente devorá-los em uma tarde apenas

    beijo
    beinghellz.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Hellz!
      Isso ela tem de bom, a leitura flui muuuito bem. Comecei o E Não Sobrou Nenhum e rapidinho estou terminando. E gostando bem mais :)
      Bjs

      Excluir
  4. Oi Thalita,
    Estou louca para ler algo da Agatha Christie, mas sempre vou adiando.
    Tenho um certo receio de ler e me decepcionar, afinal, não é algo que eu esteja acostumada.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alessandra!
      Ahhh tente. Eu também sempre tive curiosidade. Não gostei muito desse mas estou terminando o E Não Sobrou Nenhum e curti muito mais.
      Bjs

      Excluir

Tecnologia do Blogger.