segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Posso dizer que, quando eu tinha seis anos, todas as minhas amiguinhas eram o que eu chamaria de “clássicas”. Metade queria ser veterinária e a outra metade professora. Eu, no entanto, sonhava apenas com uma coisa: ser Power Ranger. Mas não qualquer um, eu queria ser a Ranger Rosa, pois aos seis anos de idade nada no mundo é mais bonito que a cor rosa. Além disso, Kimberly era a ranger mais descolada e a única que tinha um Zord que voava. Vamos combinar que, aos seis anos, não dá pra ser mais legal do que isso.

Acontece que minha prima é cinco anos mais velha do que eu e naquela época, aparentemente, meninas de seis e onze anos eram mais parecidas do que as de hoje em dia. E foi assim que, por livre e espontânea pressão, eu me tornei a Ranger Amarela. Vendo bem, acho que foi assim também que eu passei a detestar a cor rosa e a amar personagens coadjuvantes.

Ok, talvez não tenha sido exatamente nessa época que eu, de fato, passei a dedicar minha atenção tão veementemente aos personagens secundários, provavelmente isso demandaria um pouco mais de maturidade. Ainda assim, é como se desde sempre houvesse em mim um certo fascínio por personagens que não fossem os protagonistas.

Não me entendam mal, eu adoro os Harrys e Lukes da vida, mas por mais que os ame eles quase nunca garantiram lugar no topo da minha lista de personagens prediletos. Sempre me cativaram muito mais o amigos fiéis sem os quais o herói não conseguiria salvar o dia.

Penso que é fácil apreciar as façanhas de um herói evidente, no entanto, longe de mim dizer que isso necessariamente diminua seus méritos. Já admirar as proezas de figuras aparentemente menos extraordinárias requer um pouco mais de atenção e, posso afirmar, rende frutos tão - quando não mais - doces.

Deviant Art by Sopeh Meak
RIP Thuy Trang u.u


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Busca

Tecnologia do Blogger.

Sobre Nós

No Blog

Arquivo

Seguidores

Facebook

Instagram

Twitter

Editora Parceira

Parceiros

Postagens Populares

Visitas

As opiniões aqui presentes são próprias das autoras do blog, não representando necessariamente a opinião das editoras e/ou autores.