quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Aqui no blog adoraaaamos tubarões, eu e a Jack somos super fãs da franquia Sharknado, e de presente de aniversário a Denise me deu um exemplar do clássico Tubarão do Peter Benchley! Obrigada <3

Tudo estava bem em Amity, uma cidade costeira famosa por receber inúmeros turistas em alta temporada. Até que uma moça é brutalmente atacada por um tubarão. Seus restos mortais são encontrados na praia e colocam o chefe da polícia Martin Brody em alerta. Ele deseja a todo custo fechar as praias a fim de evitar novos ataques, mas o prefeito pensa diferente. De olho no dinheiro gasto pelos veranistas, trava uma briga com o policial e teima em deixar as praias abertas. Obviamente os ataques continuam até que Martin resolve por a mão na massa e dar um jeito no bicho.



O livro me deixou em um misto de sentimentos. Gostei muito de algumas partes, e de outras nem tanto. Para mim faltou tubarão em Tubarão. Apesar de ser uma presença constante, ele demora para dar as caras e realmente tocar o terror e deixar o leitor apreensivo. Em algumas passagens o autor foca demais na vida pessoal de Martin e no drama conjugal de sua esposa. Parte disso é importante para a história, mas eu esperava menos drama e mais ataques de tubarão entende?


Já o cabo de guerra entre o policial e o prefeito foi interessante, mostrando como as forças políticas podem interferir na vida da população de forma irresponsável e apenas em proveito próprio. Por conta disso, devorei algumas páginas e outras demoraram bastante para passar.


A parte gráfica da Darkside é sempre fantásticas. A brochura é linda e cheia de detalhes, com uma capa que se abre revelando inúmeras imagens e veio com um adorável marcador de tubarão <3


Nota 3,5/5 ★

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Busca

Tecnologia do Blogger.

Sobre Nós

No Blog

Arquivo

Seguidores

Facebook

Instagram

Twitter

Editora Parceira

Parceiros

Postagens Populares

Visitas

As opiniões aqui presentes são próprias das autoras do blog, não representando necessariamente a opinião das editoras e/ou autores.